Hoje vamos continuar o relato da nossa viagem pelos Aparados da Serra falando sobre a Trilha no Cânion Fortaleza.

Essa viagem foi uma experiência bem diferente para nós, pois em cada parte da viagem estávamos em um estado diferente. Isso porque nesta região os passeios nas bordas fazem parte do estado do Rio Grande do Sul, enquanto os passeios realizados na parte inferior dos cânions fazem parte do estado de Santa Catarina.

Então assim que deixamos a cidade de São José dos Ausentes, nós partimos para a cidade de Praia Grande em Santa Catarina, onde ficamos hospedadas no Lodge Costão da Fortaleza.

Parque Nacional da Serra Geral
Entrada do Parque Nacional da Serra Geral

Trilha no Cânion Fortaleza

Acordamos bem cedo rumo ao Parque Nacional da Serra Geral para fazer a Trilha no Cânion Fortaleza. O nível de dificuldade é moderado com três trechos distintos. A primeira é a Trilha do Mirante com 1.167 metros de altura, a segunda é a Cachoeira Tigre Preto com quase 1.000 metros de altura e por fim a Trilha da Pedra do Segredo.

A infraestrutura do Parque Nacional da Serra Geral é bem simples com apenas um banheiro, o estacionamento e um guarda que controla o número de visitantes. Na entrada já fomos recepcionadas por dois Graxaim, que é uma espécie de cachorro do mato.

Trilha no Cânion Fortaleza - Graxaim
Graxaim na Trilha no Cânion Fortaleza

Trilha do Mirante no Cânion Fortaleza

A aventura  já começa na subida da primeira trilha. Sério! As paisagens são IM-PRES-SI-O-NAN-TES. Chegar nas bordas do Cânion Fortaleza dá um friozinho dos bons na barriga, afinal de contas, o precipício tem nada mais nada menos que 1.167 metros de altura.

A trilha toda tem cerca de 3 km e levamos aproximadamente 2 horas para finalizar. No começo a caminhada é bem tranquila, mas tem um trecho com uma subida bem íngreme e cansativa, mas eu sempre tenho em mente que quanto maior a dificuldade, melhor será a recompensa.

Dito e feito. A Trilha do Mirante tem seu final com uma beleza indescritível. Ao chegar lá em cima, fizemos uma porção de fotos, gravamos, curtimos a paisagem e claro, recuperamos o nosso fôlego para voltar e dar inicio a segunda trilha.

Confira opções de hospedagem em Santa Catarina

Trilha do Mirante no Cânion Fortaleza
Trilha do Mirante no Cânion Fortaleza

Cachoeira Tigre Preto no Cânion Fortaleza

Uma trilha bem curtinha onde parte dela é realizada com uma mata mais fechada e muito escorregadia e outra você caminha pelo rio sendo inevitável molhar os pés. No final da travessia você pode apreciar a linda cachoeira com diversas quedas d’água.

Cachoeira Tigre Preto no Cânion Fortaleza
Cachoeira Tigre Preto no Cânion Fortaleza

Trilha da Pedra do Segredo no Cânion Fortaleza

Do outro lado do rio começa a terceira e última trilha que vai margeando a borda do cânion. São aproximadamente 15 minutos para chegar na surpreendente Pedra do Segredo. Para entender o nome da trilha basta observar a fotografia abaixo:

Trilha da Pedra do Segredo no Cânion Fortaleza
Trilha da Pedra do Segredo no Cânion Fortaleza

Dicas para a trilha do Cânion Fortaleza:

  • Vá de tênis
  • Leve uma mochila pequena e leve
  • Um kit com lanche e água
  • Repelente
  • Protetor solar, óculos de sol e boné para dias de sol
  • Capa de chuva e corta vento para dias fechado

Para entendermos um pouco sobre onde está o que, no Parque Nacional Aparados da Serra você vai conhecer o cânion Itaimbezinho. E no Parque Nacional da Serra Geral os cânions Malacara, Churriado e Fortaleza.

Esse passeio ocupada o dia inteiro. Então o ideal é que você não reserve nada além dele para o dia.

Trilha no Cânion Fortaleza
Eloah e Amanda no Cânion Fortaleza
Trilha no Cânion Fortaleza
Salve esse Pinterest para consultar depois

Nossa viagem foi um convite da Agência de Viagens Rota dos Canyons com apoio do Costão da Fortaleza Lodge e nossas opiniões são pessoais e transparentes sobre nossa experiência no local.

Deixei uma resposta

Escreva um comentário
Seu nome