fbpx
Campos do Jordão

O que fazer em Campos do Jordão – Roteiro para um fim de semana

O que fazer em Campos do Jordão, a capital do inverno paulista? Considerada um destino perfeito para quem deseja fazer uma viagem romântica ou uma viagem curtinha de fim de semana e feriados prolongados.

Fica localizada a 170 km da cidade de São Paulo, entre o Vale do Paraíba e a Serra da Mantiqueira, é um dos principais destinos de inverno do país. Durante o ano todo recebe milhares de visitantes, sobretudo no mês de Julho, quando acontece o Festival Internacional de Inverno.

Campos do Jordão carregada carinhosamente o apelido de Suíça brasileira por conta de sua arquitetura com traços europeus e entre todas suas faces, se destaca pelas montanhas, fondues, diversão, choperias e um gostoso friozinho serrano.

Outra curiosidade é que Campos do Jordão fica a 1628 metros de altitude e por isso é considerada a cidade mais alta do país.

Confira as ofertas de hospedagem em Campos do Jordão

Parque dos Elefantes
Parque dos Elefantes

O que fazer em Campos do Jordão em um fim de semana

Parece um pouco óbvio os pontos turístico em Campos do Jordão, mas depois de nossa visita percebemos que não é bem assim.

Pensar nas possibilidades sobre o que fazer em Campos do Jordão pode variar desde os passeios mais típicos de uma cidade de interior, como o bondinho e o teleférico, até os tours cheios de adrenalina, como o de jipe até a Pedra do Baú e as trilhas com cachoeiras.

Por isso apesar da fama de destino sofisticado, Campos do Jordão oferece passeios para todos os gostos e bolsos. Inclusive, vale mencionar que independente do roteiro escolhido para a sua viagem, tudo terminará na Vila Capivari, onde estão concentrados boa parte dos restaurantes, lojas, cafés e bares da cidade.

Para facilitar a leitura, navegue pelos tópicos deste guia de Campos do Jordão:

O que fazer em Campos do Jordão - Morro do Elefante
Morro do Elefante

Roteiro de Viagem em Campos do Jordão

Abaixo compartilho o roteiro da nossa viagem para Campos do Jordão. O ideal é que você esteja já na cidade no primeiro horário do sábado e que tenha disponibilidade para ficar até o final do dia de domingo.

  1. Chegada em Campos, Passeio pelo Centro
  2. Morro do Elefante, Parque dos Elefantes, Borboletário Flores que Voam, Horto Florestal, Gård Cervejaria, Passeio pelo Centro
  3. Museu Felícia Leirner, Jardim Amantikir, Palácio da Boa Vista, Retorno SP

Museu Felícia Leirner
Museu Felícia Leirner

Como chegar em Campos do Jordão

São um pouco mais de duas horas de percurso de carro da capital de São Paulo até Campos do Jordão. Inclusive, nós já fizemos uma viagem de bate e volta, e embora tenha sido cansativo, dá para conhecer a cidade desta maneira também.

De São Paulo, o melhor trajeto de carro é através da Rodovia Presidente Dutra ou a Rodovia Ayrton Senna (ambas com pedágios), depois Rodovia Floriano Rodrigues Pinheiros, que é continuação natural da Carvalho Pinto/Aryton Senna.

Já de ônibus, existe a empresa Pássaro Marrom, com seis saídas diárias do Terminal Tietê. A passagem custa R$ 55,81 (Junho/2019) e o trajeto costuma demorar cerca de 3h30.

Agora, para quem vem de outras cidades, os aeroportos mais próximos são os de São Paulo mesmo – Guarulhos e Congonhas. Já vindo de carro, a partir do Rio de Janeiro são 334 km, de Belo Horizonte são 500 km e de Curitiba são 589 km.

Jardim Amantikir
Amanda e Eloah no Jardim Amantikir

Melhor época para visitar Campos do Jordão

Embora muitas pessoas visitem Campos do Jordão durante o inverno, é possível aproveitar a cidade durante o ano todo.

Claro, o auge do movimento é no inverno, o que também significa cidade agitada e preços muito mais altos. Este período acontece nos meses de Maio, Junho, Julho, Agosto e feriados em geral.

Para aproveitar a cidade com mais tranquilidade e preços mais baixos, recomendamos ir nos meses de Abril, Setembro e Outubro.

Já os meses de Novembro a Fevereiro os dias são mais chuvosos então sugerimos evitar.

O que fazer em Campos do Jordão - Museu Felícia Leirner
O que fazer em Campos do Jordão – Museu Felícia Leirner

O que fazer em Campos do Jordão

Campos do Jordão oferece várias opções de passeios, que vão dos mais tradicionais aos mais inusitados.

Com 2 ou 3 dias já é possível conhecer muita coisa, mas sempre vale a pena voltar para explorar outras possibilidades.

Para nós, a natureza sem dúvida foi a maior estrela de Campos do Jordão.  Conhecer parques como o Horto Florestal,  o Jardim Amantikir, o Museu Felícia Leirner e o Borboletário fez da nossa viagem uma experiência perfeita. Os mirantes também são destaque da região e lá do Morro do Elefante tivemos uma vista privilegiada da cidade.

Agora, nós fugimos dos tradicionais, mas isso não quer dizer que você não possa conferir e incluir estes passeios no seu roteiro. Os clássicos são a visita na Cervejaria Baden Baden, o passeio de bondinho, a Maria fumaça e o teleférico do Morro do Elefante.

Amanda no Museu Felícia Leirner
Amanda no Museu Felícia Leirner

Morro do Elefante

Não é à toa que uma das melhores vistas de Campos do Jordão é lá do Morro do Elefante. Com 1800 metros de altitude, de lá é possível ver toda a parte central da cidade e as montanhas da Serra da Mantiqueira.

Nós chegamos no Morro do Elefante  de carro em menos de 10 minutos. Mas você também pode ir com o clássico teleférico que saí do Parque Capivari.

O que fazer em Campos do Jordão - Morro do Elefante
Eloah e Amanda no Morro do Elefante

Parque dos Elefantes

Se você estiver no Morro do Elefante, vale a pena aproveitar a viagem para conhecer o Parque dos Elefantes.

A entrada é gratuita e no parque você pode tirar fotos com diferentes esculturas. Tem um belo letreiro de Campos do Jordão, a fonte do elefante de ouro, a ponte da memória, entre muitos outros.

A visita é rápida e em menos de 1 hora você consegue aproveitar todo o parque. Ah, e no final, você pode comprar um chaveiro com uma foto que eles tiram logo na sua chegada.

  • Preço: Gratuito
  • Horário: 09:00 às 17:00
  • Endereço: Rua 5, 97

Parque dos Elefantes - Campos do Jordão
Parque dos Elefantes

Borboletário Flores que Voam

Localizado no caminho para o Horto Florestal, o Borboletário Flores que Voam é um passeio ideal para todas as faixas etárias.

Inaugurado em 2007, abriga cerca de 35 espécies de borboletas nativas da região e é um dos raros borboletários com acesso ao público aqui no Brasil.

Assim que chegamos, nós fomos convidadas a assistir um pequeno vídeo, que nos apresenta um pouco sobre a vida e as fazes da borboleta. O vídeo tem foco no aprendizado e preservação da espécie. Na sequência fomos para o Jardim, onde a mágica de fato acontece.

Gostamos tanto, que fizemos duas vezes o circuito. Valeu muito a pena a visita.

Este é um passeio contemplativo e o ideal é que todos fiquem em silêncio durante a caminhada. Outro ponto importante é que as borboletas precisam de sol para voar, então programe sua visita para um dia e horário ensolarado.

  • Entrada: R$40 a inteira e R$20 a meia
  • Horário: Quarta a domingo, feriados e todos os dias de julho, das 10h às 15h
  • Endereço: Av. Pedro Paulo nº. 7997 – casa 01, Km 10 do caminho do Horto Florestal

O que fazer em Campos do Jordão - Borboletário Flores que Voam
O que fazer em Campos do Jordão – Borboletário Flores que Voam

Horto Florestal

Ocupando um terço do município, o Parque Estadual de Campos do Jordão, mais conhecido como Horto Florestal é um passeio ideal para se fazer em família ou para quem busca momentos cercado de natureza.

Fica localizado a apenas 15 km do centrinho turístico e é considerada a maior reserva de araucárias do Estado de São Paulo.

O parque reúne diversas áreas de lazer. São quatro opções de trilhas, cachoeiras, lagos de carpas, orquidário, viveiro de mudas, campos para piqueniques, playgrounds, churrasqueiras, loja de artesanato e o passeio de trenzinho. Além disso tem as atrações do Zoom Aventura, como arvorismo (R$40), tirolesa (R$60) e aluguel de bicicleta.

Apesar de ser um passeio delicioso para incluir no roteiro, nós sentimos que o parque carece de melhorias e cuidados.

  • Preço: R$15 a inteira e R$7,50 a meia
  • Horário: entrada das 8h30 às 17h e permanência até as 18h (não abre as quartas-feiras)
  • Endereço: Av. Pedro Paulo, s/n°

Horto Florestal
Horto Florestal

Gård Cervejaria

A cervejaria Gård fica logo após a entrada do Horto Florestal, dentro de uma propriedade privada, e já encanta pela beleza do lugar.

Para os amantes de cerveja artesanal ou para aqueles que querem provar uma boa cerveja da Serra da Mantiqueira, a Gård é parada obrigatória numa visita a Campos do Jordão, principalmente se você já vai visitar o Horto Florestal.

No dia em que fomos estavam servindo 7 estilos de cerveja no balcão, entre elas a Munich Helles, a IPA, a Tmavé e a Smoked Porter. Pra quem quer provar todas as opções, é muito interessante pedir a régua degustação. São duas opções: uma com 4 cervejas e a outra com 3 cervejas mais um copo com água pra dar aquela limpada no paladar. Cada régua custa $15 e cada copo tem cerca de 200 ml.

O Boteco da Gård é pequeno e acabou de passar por uma reforma no deck. Dá pra fazer uma visita guiada gratuita, é só perguntar se terá e qual o horário. A comida fica por conta do Foodtruck, que funciona nos finais de semana com Hambúrguer, Choripan e algumas porções pra petiscar.

  • Preço: a partir de R$15
  • Horário: acompanhar pelo Instagram
  • Localização: Av. Pedro Paulo s/n – Após a entrada do Horto (não precisa pagar a entrada, é só avisar que vai na cervejaria)

O que fazer em Campos do Jordão - Gård Cervejaria
O que fazer em Campos do Jordão – Gård Cervejaria

Museu Felícia Leirner

O Museu Felícia Leirner fica na região de Alto da Boa Vista em uma área de 35 mil m². O museu a céu aberto abriga 85 esculturas da artista polonesa radicada no Brasil, sendo 43 em bronze, 40 em cimento branco e 2 em granito.

As obras foram agrupadas de acordo com a escolha da artista, e estão dividias em cinco trilhas entre os jardins e as alamedas do parque.

Na rota abstrata (vermelha) estão espalhadas as obras de 1963 a 1965 e nesta fase há trabalhos da série Cruzes e Estruturações. Já na rota figurativa (azul) nós conhecemos as obras de 1950 a 1958 da série Arcadista e Cubista. Agora na rota orgânica (lilás) de 1966 a 1970 estão as séries Habitáculos e Bichos. Ainda há as rotas caminho da abstração (amarela) e os recortes na paisagem (verde).

Todas valem a pena conhecer e sugerimos pelo menos 2 horas para apreciar todo o local. Inclusive, lá tem umas das vistas mais bonitas da cidade e dá até para apreciar a famosa Pedra do Baú.

  • Entrada: R$10 a inteira, R$5 a meia e gratuito aos domingos
  • Horário: de terça a domingo, das 9h às 18h
  • Localização: Av. Dr. Luis Arrobas Martins, 1880

O que fazer em Campos do Jordão - Museu Felícia Leirner
Museu Felícia Leirner

Jardim Amantikir

Um parque composto por 28 jardins de influência de diversas partes do mundo e com mais de 700 espécies de plantas. Simplesmente incrível!

Considerado um dos melhores passeios de Campos do Jordão, faz jus a sua fama. São 60 mil m² para aproveitar com calma, apreciar, caminhar e fazer muitas fotografias.

Reserve pelo menos 2h para aproveitar com tranquilidade o Parque Amantikir.

  • Entrada: R$40 a inteira e R$20 a meia (sexta, sábado, domingo, feriados e férias escolares). R$30 a inteira e R$15 a meia (de segunda a quinta)
  • Pagamento: não aceitam cartão, somente dinheiro ou transferência bancária (detalhe que não tem sinal de internet por lá)
  • Horário: aberto todos os dias, das 8h30 às 17h
  • Endereço: Rodovia Campos do Jordão/Eugenio Lefevre, 215

Jardim Amantikir
Jardim Amantikir

Palácio da Boa Vista

O Palácio da Boa Vista, também conhecido como Palácio do Governador, foi erguido entre 1938 e 1964 pelo governador Adhemar de Barros. Em 1970 ele foi transformado em monumento público e centro cultural de Campos do Jordão.

Hoje o Palácio abriga um acervo com mais de dois mil objetos de arte. São pinturas, esculturas, pratarias, porcelanas, peças religiosas e mobiliário datado dos séculos XVII ao XX.  Além disso, tem sua arquitetura inspirada em castelos europeus.

As peças estão distribuídas por 35 ambientes e 105 cômodos. Durante a visita, não deixe de reparar no gabinete do governado, onde o assoalho foi feito em marchetaria com pau Brasil. E nas paredes com quadros de artistas como Tarsila do Amaral, Anita Malfatti, Candido Portinari, Victor Brecheret e Alfredo Volpi.

Atualmente o Palácio da Boa Vista oferece visitas guiadas e gratuitas, com duração de cerca de 1 hora. As senhas são distribuídas logo na entrada e os grupos são dividos em até 25 pessoas.

Vale dizer que antes de iniciar a visita é necessário guardar todos seus pertences em armários, pois não é permitido o uso de câmeras e celulares no interior do Palácio.

  • Preço: Gratuito
  • Horário: de quarta a domingo, das 10h às 12h e das 14h às 17h
  • Endereço: Av. Adhemar de Barro, 3001

Palácio da Boa Vista
Palácio da Boa Vista

Onde se hospedar em Campos do Jordão

O Siena Hotel (diárias a partir de R$260) foi a nossa escolha em nossa visita a Campos do Jordão. Fica localizado no centro, a pouquíssimos metros da Vila de Capivari. É uma hospedagem simples, mas com uma equipe muito atenciosa e solicita.

O Hotel Nevada (diárias a partir de R$300) também esta localizado na Vila de Capivari e é uma hospedagem que preza pelo aconchego dos hospedes.

A Vila Dom Bosco (diárias a partir de R$350) é rodeada por jardins e possui uma quadra de esportes coberta e salão de jogos.

O Hotel Vila Regina (diárias a partir de R$185) também fica localizada a poucos metros da Vila de Capivari. Tem estilo colonial e acomodações muito confortáveis.

Veja mais ofertas de hospedagem em Campos do Jordão:



Booking.com

Descubra o que fazer em Campos do Jordão, destino perfeito para viagens românticas ou uma viagens curtinha de fim de semana e feriados prolongados!
Salve essa imagem no seu Pinterest para consultar depois
Eloah Cristina
Designer & Travel Blogger. Ama vídeo-game, tecnologia, fotografia, batatas e bacon. Formada em Design de Mídia Digital, Pós Graduada em Gestão de Projetos e MBA em Marketing. Abandonou a carreira nas agências de publicidade e hoje leva a vida entre sua verdadeira vocação e seu hobby.

3 Comentários

Deixe uma resposta



Booking.com